SENSORES DE VISÃO

En general, los

“text-align: justify;”>Em geral, os sensores de visão têm mais prestações, complexidade e maior preço do que os tradicionais sensores fotoelétricos, porém, menor do que as câmaras inteligentes, os sistemas de visão integrados ou os sistemas de visão baseados em PC. Na verdade, os sensores de visão podem fazer o trabalho
de múltiplos sensores fotoelétricos, no entanto, enquanto os sistemas de visão proporcionam dados, os sensores de visão proporcionam resultados de aprovado/reprovado.
Comparando com outros sistemas de visão, os sensores de visão incluem a funcionalidade para a sua fácil execução, costumam ter um tamanho muito reduzido, menor potência de cálculo e menor custo.
Estes tipos de sensores estão orientados para o mercado de cliente final, e supõe-se que o próprio cliente possa instalá-lo, sem ajuda de nenhuma engenharia e sem a necessidade de um ajuste por parte de terceiros. Os sensores de visão estão pensados para resolver problemas concretos e fáceis, e para serem manuseados de forma muito simples, inclusive por pessoal não especializado em visão. Para que sejam fáceis de manusear, foram eliminadas muitas funções que incorporam os sistemas de visão mais avançados, reduzindo, desta maneira, a sua complexidade. Na maior parte das vezes, um botão de aprendizagem é o único mecanismo que o operador tem para controla-lo, e um sistema de aprovado/reprovado é a única saída possível. Enquanto isso simplifica enormemente o seu funcionamento, ao mesmo tempo, reduzem-se as possibilidades de aplicações a serem resolvidas por esses sensores. Além do mais, dada a potência limitada do seu hardware, não são capazes de processar mais do que algumas peças por segundo.
Os programas que incluem os sistemas de visão não podem ser modificados. Não requerem um PC para processar a imagem ou enviar resultados a um PLC ou outro elemento de controlo. Os sensores de visão com sua instalação fácil e rápida abriram um novo espaço nas aplicações, onde a visão é tratada como outro componente standard no controlo de processos industriais.
Normalmente, os sensores de visão resolvem um problema concreto como: ler um código de barras ou matriz, verificar uma cor, identificar presença ou ausência… Estes sensores estão a romper a barreira entre os sensores de medida industrial e os sistemas de visão artificial, criando um laço de continuidade entre ambos os mundos.
A indústria automobilística está a ser especialmente beneficiada com os novos sensores e sistemas de visão, em parte, devido à sua redução de preço e sua fácil utilização. Processos de embalagens foram beneficiados também por estas vantagens. Na verdade, qualquer indústria que necessite de marcação por códigos de barras 1D e/ou 2D pode ser susceptível de utilizar esta tecnologia.