SINCRONIZAÇÃO E PIXEL CLOCK

enciclopedia-image

Quando um frame grabber interrompe um sinal de vídeo de entrada, geralmente, é necessário esperar alguns quadros para voltar a sincronizar a entrada de vídeo. Quando se conecta a uma nova Câmara, não existem os sinais prévios que informem ao frame grabber acerca do sincronismo da câmara e, por tanto, o frame grabber necessita ser informado mediante os sinais de sincronismo em separado para interpretar rapidamente o sinal de vídeo que chega.

 

Os frame grabber standard de baixo custo não são capazes de aceitar este tipo de sinais em separado e, portanto, é necessário utilizar frame grabbers avançados com varrimento variável.

Os sinais necessários para sincronizar são:

HD Sincronismo Horizontal.

VD Sincronismo Horizontal.

Pixel Clock (opcional) o clock de alta velocidade que impulsiona o registo de deslocamento do CCD

 

Tanto os frame grabbers como as câmaras permitem diversas configurações de sincronismo num mesmo sistema. Os modos standards de sincronismo são os seguintes:

Sync on Vídeo. Os sinais de sincronismo estão integrados no sinal de vídeo. Facilita a conexão, no entanto, perde-se a robustez do sinal de vídeo em especial para longas distâncias de transmissão.

Sync on Green. Para câmaras formato RGB. Os sinais de sincronismo estão integrados no sinal de vídeo Green. Do mesmo modo que na conexão SYNC ON VIDEO, facilita a conexão, porém, perde-se robustez no sinal de vídeo em especial para longas distâncias de transmissão.

CSync. Os sinais de sincronismo transmitem-se por uma linha separada do sinal de vídeo. Não perde qualidade na imagem.

HD/VD em modo XTAL. Os sinais de sincronismo HD e VD transmitem-se em separado em duas linhas de conexão. Neste caso, são sinais de saída do frame grabber. Este modo é considerado o mais estável, uma vez que a digitalização dos sinais de sincronismo é mais precisa.

HD/VD em modo PLL. Semelhante ao modo anterior, os sinais de sincronismo HD e VD transmitem-se em separado por duas linhas de conexão. No entanto, neste caso é a câmara a que gera os sincronismos em direção à placa. Normalmente, aplica-se nos modos de conexão multi-câmara MASTER-SLAVE.

Neste caso, a câmara MASTER configura-se em modo PLL e a câmara SLAVE em modo XTAL. Desta forma, ambas as câmaras empregam o mesmo sinal de sincronismo.

Quando uma câmara se reinicia de forma assíncrona, os sinais de sincronismo VD (o WEN) também se reiniciam. Os frame grabber de varrimento variável recebem passivamente os sinais da Câmara. O pixel Clock utiliza-se para acionar o ADC (Conversor analógico/digital) no frame grabber com o HD e

VD controlando o início do quadro e o tempo horizontal. Existem outras formas de fazer o reset assíncrono, no entanto, esta é a forma mais simples e prático.